Novo Nissan Versa 2021 – preços, detalhes, ficha técnica



O novo Versa 2021 já começou a ser vendido na Argentina. A empresa Nissan irá lançar esse modelo aqui no Brasil, mas levará ainda alguns meses.

Ele está sendo produzido no México e vem com 5 (cinco) diferentes versões. Uma versão com um motor 1.0 e quatro com 1.6, a versão básica, a Premium AT, a Plus AT e a Special Edition AT.

Os preços podem ter variações, por conta da taxa de câmbio e de localização, mas uma pesquisa mostrou que, hoje, o Nissan Versa V-Drive 1.0 custa R$ 57.990,00, já na versão básica do 1.6 o valor fica em R$ 60.990,00. Na versão Special Edition o valor sobre para R$ 68.690,00, a versão Plus custa R$ 72.990,00 e a versão top de linha, a Premium, o valor fica em R$ 77.990,00.



No motor, basicamente temos a diferença somente entre dois motores, o 1.0 e os 1.6, onde o primeiro tem três cilindros em linha e os outros, quatro. Algo em comum das cinco versões são, os freios, que são em disco ventilado na dianteira e de tambor na traseira. Na suspensão, todos trabalham com molas helicoidal, sendo de eixo de torção na traseira e independente, McPherson, na dianteira. Outra particularidade de todos é a direção elétrica.

Nos pneus, temos o "195/55 R16", com a altura do flanco em 107 mm, para a versão Premium e o "185/65 R15", com a altura do flanco em 120 mm, para as outras quatro versões mencionadas.



Nas dimensões do Versa 2021, a única coisa que muda é o peso, sendo de 1056 kg para o 1.0, de 1060 kg para a versão básica do motor 1.6, 1085 kg na versão Special Edition e 1093 kg nas versões Plus e Premium. Nas cinco versões o tanque de combustível tem capacidade para 41 litros, porta-malas de 460 litros, comprimento de 4,492 metros, largura de 1,695 metros, altura de 1,506 metros e 2,6 metros de distância entre os eixos.

Leia também:  Mercedes-Benz GLC 2018 - Ficha Técnica, Especificações

No seu desempenho, na versão 1.0, temos a velocidade máxima de 162 km/h com aceleração de 0 a 100 km/h em 16 segundos. Na versão básica do 1.6, a velocidade máxima chega a 187 km/h, fazendo de 0 a 100 km/h em 10,3 segundos. Nas versões Special Edition, Plus e Premium, a velocidade máxima é a mesma, de 187 km/h, porém a aceleração de 0 a 100 km/h é um pouco demorada, sendo de 11,6 segundos.

Outras coisas em comum nessas três versões é o consumo e a autonomia. Segundo as fichas técnicas, com abastecimento em gasolina, o consumo urbano é de 11,6 km/l, com autonomia de 476 km, e de 14,1 km/l em rodovias, com autonomia de 578 km. Já no caso de estar abastecendo com álcool, o consumo é de 7,8 km/l na área urbana, com autonomia de 320 km, e de 10 km/l nas rodovias, tendo uma autonomia de 410 km.

A versão 1.6 básico tem um consumo de gasolina de 12,6 km/l na área urbana e de 14,4 km/l nas rodovias, respectivamente, uma autonomia de 517 km e 590 km. Com álcool, o consumo fica em 8,4 km/l e 10 km/l e a autonomia de 344 km e 410 km, para a área urbana e de rodovia.

Na versão 1.0, temos a maior economia de combustível e a maior autonomia entre todos. Com gasolina, o consumo é de 12,9 km/l na cidade e 15,3 km/l nas estradas, autonomia de 529 km e de 627 km. Com abastecimento em álcool, temos um consumo de 8,8 km/l na cidade e de 10,5 km/l nas estradas, tendo respectivamente uma autonomia de 361 km e de 431 km.

Como item de série das cinco versões, temos freio ABS, ar condicionado, alarme antifurto, computador de bordo e muito mais. A expectativa é que as vendas comecem em novembro aqui no Brasil.

Leia também:  Renault Alaskan - Apresentação da Nova Picape

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *