Renault Alaskan – Apresentação da Nova Picape



  

Renault Alaskan é apresentada na Colômbia mas deve chegar ao Brasil apenas em 2018.

Não é de hoje que a Renault vem se destacando com a produção de novos modelos em um mercado extremamente competitivo. Pois nessa quinta-feira, dia 30 de junho, a montadora mostrou seu mais novo lançamento na Colômbia, a Alaskan. Na versão final de picape média, o Brasil somente receberá o modelo em 2018, logo que a mesma chegar na Argentina, em Córdoba, para início da produção.

Porém, quem não quer esperar para ver o carro de perto, pode ir até o Salão do Automóvel de São Paulo, que acontecerá no mês de novembro. A agenda de comercialização da picape iniciará na Colômbia, ainda em 2016, passando pela Argentina em 2017.

Com valor competitivo, de acordo com a montadora e o vice-presidente sênior da Renault para as Américas, Olivier Murguet, o preço do Alaskan não foi divulgado para a imprensa, porém, este será atrativo se comparado aos dos maiores rivais na categoria, a Chevrolet S10, o Ford Ranger, a Toyota Hilux, entre outras. Conforme Murguet, a Renault não possui a arrogância de entrar num segmento como este e vender o seu produto com preço ainda maior que os concorrentes.

Sendo assim, em relação aos motores do veículo, estes serão comercializados em duas versões a diesel: na 2.3 com 160 cv e 190 cv, além da 2.5 com 160 cv e 190 cv. A picape ainda possui um modelo 2.5 a gasolina, de 160 cv.





Para o Brasil, será vendido o motor 2.3, com câmbios automático ou manual e tração 4×2 ou 4×4. Além disso, a montadora Renault já adiantou que colocará a disposição também versões em cabine simples e dupla. As medidas da picape não foram divulgadas, mas sabe-se que a distância do solo será de 23 centímetros, com suspensão do tipo multilink de cinco braços, além de assistente de partida e descida em rampa.

Complementando, haverá câmeras 360º, sistema de chave inteligente e partida pressionando um botão, além de ar condicionado de duas zonas, conectividade e muito conforto para até cinco pessoas.

Ao que tudo indica a aposta irá atrair muitos olhares, sendo que a Alaskan entra no portfólio da empresa como a segunda picape da marca Renault, sendo a primeira a Duster Oroch, que foi lançada no fim de 2015 no país. Com visual autêntico, levando em conta a identidade da montadora, resta esperar pelo modelo que, de acordo com a Renault, precisa deste tempo para amadurecer o projeto.

Kellen Kunz



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *